Carnaval: Especialista alerta para riscos de doenças provocadas pelo beijo

0
Circuito principal do Carnaval de Barreiras. (Foto: Gazeta 5)
Publicidade

Ao Bahia Notícias, uma bioquímica supervisora de um projeto que faz testagem rápida para Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs) falou sobre a “doença do beijo” no período de Carnaval.

Segundo Olivete Borba, devido ao comportamento das pessoas,  há um grande risco de contaminação no período carnavalesco. Ela relata que os sintomas são febre alta, desconforto abdominal, dor muscular e inchaço dos gânglios.

A bioquímica também alerta sobre a sífilis, doença sexualmente transmissível. Conforme ela, no segundo estágio da doença surgem pequenas feridas na boca, razão pela qual pode ocorrer a transmissão também pelo beijo.