Comércios burlam decreto e realizam atendimentos de portas entreabertas em Ibotirama

Situação foi constatada pelo Gazeta 5, na manhã desta quinta-feira (11).

0
Avenida Ex-Combatente, no centro de Ibotirama. (Foto: Gazeta 5)
Publicidade

Pelo menos vinte comércios de diversos setores burlaram o decreto da prefeitura de Ibotirama e mantiveram os estabelecimentos, mesmo que de portas entreabertas, funcionando. A situação foi constatada pelo Gazeta 5, na manhã desta quinta-feira (11).

Na maior parte dos casos, o atendimento acontecia tão logo o cliente chegasse à porta. Um enviado do Gazeta 5 conseguiu fazer compras em um local, já em outro, mesmo sendo atendido, o proprietário recomendou que o pedido fosse feito por ligação, uma vez que ele já havia sido notificado.

Outra situação verificada foi o fornecimento de bebidas em comércios que funcionam como bar e restaurante ou bar e mercado. Em um dos casos, num bar que também fornece assados, duas pessoas sentavam à mesa numa partida de dominó.

Conforme decreto, em razão da emergência em saúde pública, no município, boa parte das atividades comerciais está suspensa até o próximo domingo. A exceção, conforme o texto, inclui apenas mercados, açougues, loja de peças automotivas, loja de produtos agropecuários, padarias, postos de combustíveis e farmácias.

Durante a apuração, o Gazeta 5 registrou cinco carros de órgãos da prefeitura em diligências sanitárias. Em dois casos, as equipes estavam em estabelecimentos mistos, que vendem tanto bebidas para consumo quanto gêneros alimentícios. Não houve nenhuma interdição.