Muquém do São Francisco tem apenas 126 eleitores biometrizados

O número é o menor entre os municípios das seis zonas eleitorais onde o cadastro é obrigatório.

0
(Foto: Gazeta 5)

O município de Muquém do São Francisco é o último em número de eleitores biometrizados entre as 11 cidades baianas que integram seis zonas eleitorais para as quais a biometria é obrigatória. 

De acordo com dados do TSE, dos 6.951 eleitores aptos, apenas 126 estão biometrizados, correspondendo a apenas  1,81% do eleitorado. As outras duas cidades que integram a 98ª zona eleitoral – Cotegipe e Wanderley – estão com 29, 39% e 3,18% dos eleitores biometrizados, respectivamente.

No próximo dia 10, em Barreiras, o presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia, desembargador Jatahy Júnior, realizará uma audiência pública com representantes do Executivo e Legislativo de municípios em última fase da biometria, juízes e promotores eleitorais, além de outras autoridades locais para discutir a nova logística do cadastro biométrico nos municípios.

De acordo com o presidente, esforços não serão poupados para que a revisão biométrica seja feita de forma profissional e sem sacrifícios para o eleitor. O desembargador ressalta a importância do apoio das prefeituras, dos vereadores e da sociedade civil organizada, para divulgar o agendamento que já está disponível em toda a Bahia e para facilitar o acesso do cidadão aos postos de atendimento da Justiça Eleitoral.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here