Grávida é morta por amiga a tijoladas, tem barriga cortada por estilete e bebê roubado

0
Foto: Reprodução

Uma grávida de 24 anos foi morta a tijoladas pela própria amiga e teve a filha retirada da barriga, na manhã desta sexta-feira (28), na Grande Florianópolis. O caso repercute nacionalmente.

De acordo com a imprensa local, o corpo da mulher foi encontrado em uma cerâmica desativada. Cortes provocados por estilete estavam visíveis na barriga dela.

O delegado Paulo Alexandre Freyesleben e Silva disse ao G1 que a suspeita de cometer o crime e o marido dela foram presos. Os dois haviam levado a recém-nascida ao hospital por conta de ferimentos causados pelo estilete.

Ainda segundo informações, a bebê nasceria no dia 22 de setembro. Atualmente ela segue internada em um hospital infantil de Florianópolis. Oficialmente, para proteger a criança e por conta da Lei de Abuso de Autoridade, nomes dos envolvidos não foram divulgados.