Morte do médico cardiologista Eduardo Bernardes completa um ano

Ele morreu em um grave acidente a caminho de Goiânia, onde visitaria os pais.

0
O cardiologista atendeu por muitos anos em Ibotirama. (Foto: Arquivo Pessoal)
Publicidade

Há um ano, a carreira do médico Eduardo Bernardes foi interrompida de maneira trágica. O cardiologista morreu em um grave acidente a caminho de Goiânia, onde visitaria os pais.

Na situação, dois veículos bateram de frente em um trecho da BR- 020, em Alvorada do Norte. Além do médico, que estava em companhia de quatro pessoas, todos os passageiros morreram no impacto.

Eduardo Bernardes era cardiologista e atendeu por muitos anos em Ibotirama e Barreiras. O médico era conhecido pela dedicação ao trabalho, pelo profissionalismo e respeito.

Doze meses após a sua morte, ele continua na memória de pacientes, colegas de trabalho e amigos. Por onde passou, o jovem cardiologista contribuiu significativamente com a saúde pública.