Operação integrada resgata 373 animais silvestres, fecha carvoaria e interdita duas fábricas de laticínios em municípios da região Oeste.

Quinze pessoas foram presas em flagrante por crimes ambientais.

0
Foto: Divulgação/PRF

Trezentos e setenta e três animais silvestres foram resgatados de cativeiros durante a primeira fase de uma operação integrada entre a Polícia Rodoviária Federal, IBAMA, Conselho Regional de Medicina Veterinária e técnicos da ONG Animália, que aconteceu na última  semana em municípios da região de Bom Jesus da Lapa, no Oeste do estado.

A fiscalização acontece sob a coordenação do Ministério Público da Bahia, através do Núcleo de Defesa da Bacia do São Francisco (Nusf) e em parceria com o Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco.

Na primeira semana de ação,  o grupo apreendeu oito armas de fogo, 180 munições de diversos calibres, 400 espoletas e 209 estojos de munições deflagradas. Até o momento, 15 pessoas foram presas em flagrante por crimes ambientais, entre elas um servidor público, no município de Malhada.

Foto: Divulgação/PRF

No município de Riacho de Santana, um traficante de animais foi flagrado com dezenas de gaiolas escondidas em uma mata e responderá por caçar ou manter animais em cativeiro, além de maus tratos.

No povoado de Gameleira, a operação  descobriu 40 fornos irregulares que eram utilizados na fabricação de carvão vegetal. O proprietário foi multado em R$ 5O mil e teve as fornalhas destruídas. A polícia apreendeu cerca de 85 m³ de carvão e 120 m³ de madeira.

Foto: Divulgação/PRF

Já em Bom Jesus da Lapa, sede do Ministério Público, os fiscais do Ministério do Trabalho interditaram uma fábrica de laticínios pelas más condições de segurança em que os trabalhadores estavam expostos.

Outra fábrica de laticínios foi interditada no município de Serra do Ramalho. A empresa não tinha autorizações dos órgãos fiscalizadores e funcionava clandestinamente. O dono foi multado em R$ 10 mil, e as mercadorias impróprias para o consumo foram apreendidas.

As ações de fiscalização continuam até a próxima semana, e os resultados do trabalho serão apresentados em uma audiência pública que será realizada em Bom Jesus da Lapa, na próxima sexta-feira (30).