Professores de Luís Eduardo Magalhães fazem paralisação e início de aulas é adiado

O começou das aulas na rede municipal de ensino em Luís Eduardo Magalhães, que aconteceria na última quarta-feira (06), foi adiado após a paralisação dos professores do município.

Conforme o Sindicato dos professores, a paralisação aconteceu, entre outros motivos,  em protesto ao aumento da hora/aula para 60 minutos e a falta de profissionais de apoio, como merendeiras, porteiros e zeladores.

De acordo com o G1, a Secretaria de Educação informou do adiamento um dia antes do início das aulas. A justificativa, conforme nota, foi a necessidade de deixar tudo pronto para receber os alunos.

Na manhã de quarta-feira, os professores fizeram um protesto em frente ao gabinete da prefeitura cobrando melhorias para a rede municipal de ensino da cidade. A previsão é de que as aulas comecem em 11 de fevereiro.

  • Compartilhe:

O Gazeta 5 é um dos principais veículos de jornalismo digital da região Oeste. O site cobre os vários acontecimentos nas áreas de esporte, trânsito, segurança, política, concursos públicos e entretenimento.
Categorias
Fale conosco
Siga-nos