Requisições de exames de saúde são encontradas por moradores em lixão do povoado do Javi, no Muquém do São Francisco

Além das solicitações, cópias de documentos pessoais de pacientes estavam espalhadas no lugar.

0
Os documentos foram extraviados de uma unidade de saúde do município. (Foto: Reprodução)
Publicidade

Dezenas de requisições de exames de pacientes da Secretaria Municipal de Saúde do Muquém do São Francisco, na região Oeste, foram encontradas no lixo por moradores do povoado de Javi, principal distrito do município.

A denúncia foi feita por uma moradora da localidade, que gravou um vídeo para expor a situação. Nas imagens, a mulher mostra a data das requisições e lamenta a espera enfrentada pelos moradores para a realização de exames. 

Segundo ela, enquanto os papéis estão no lixo, os pacientes aguardam há mais de três meses pelos procedimentos médicos. O material encontrado foi recolhido pelos moradores do lugar.

Além das solicitações de exames, cópias de documentos pessoais dos pacientes, como RG, certidão de nascimento e cartão do SUS, foram encontradas no lixo. Os papéis trazem a logomarca da prefeitura e carimbos de profissionais de saúde. 

Por telefone, às 16h14, uma funcionária da Secretaria de Saúde do município informou que a situação é verdadeira e que os documentos pertencem a Unidade de Saúde Airton Quirino.

Apesar disso, segundo a atendente, ainda não há uma explicação para o ocorrido. Ela afirmou que a responsável pela pasta estava no povoado do Javi, onde aconteceu o caso, a fim de esclarecer a situação e tomar providências.