Saiba como usar a internet para manter as vendas no Dia dos Namorados

Diante das medidas de isolamento, as mídias sociais são essenciais para manter a comunicação com os clientes.

0

Por Adriano Pereira

O Dia dos Namorados está chegando. No calendário do comércio, a data está entre as cinco que mais movimentam a economia. Contudo, num cenário afetado pela pandemia da Covid-19, depois da Páscoa e Dia das Mães, infelizmente este é o próximo momento em que os vendedores verão uma redução no faturamento. Diante de um contexto em que se recomenda o distanciamento social, separamos algumas dicas de como tornar o seu negócio mais digital e atrativo.

Antes mesmo da propagação da Covid-19 pelo mundo, já havia um processo de digitalização das empresas. Por conta do aumento no número de usuários de internet, que utilizam sites como o Gazeta 5 para consumir conteúdo local, houve também uma significativa alta na quantidade de pessoas que utilizam redes sociais, como Facebook, Instagram e YouTube, além de naturalmente aplicativos de mensagens instantâneas como WhatsApp e Telegram.

No mundo como o conhecíamos antes, os empreendedores percebiam o movimento nas redes sociais como uma oportunidade de alavancar suas vendas. Contudo, após o início da pandemia, a estratégia que antes seria de crescimento, acabou se tornando uma importante aliada na tarefa de minimizar os impactos da crise.

Estar presente nas redes sociais e disponibilizar entrega em domicílio para os clientes deixou de ser considerado um diferencial para se tornar essencial. Então, se a sua empresa ainda não possui presença online, é chegada a hora de repensar a estratégia para o seu negócio. Vamos às dicas:

Comunique-se com os seus clientes

Estar com contato com os clientes é fundamental. Avise-os com antecedência sobre como funcionará o horário de atendimento e o que estará à disposição dele para entrega. No caso de você não ter uma base organizada com os dados das pessoas que frequentam a sua loja, tente iniciar uma conversa pelo WhatsApp com aqueles que já estão na lista de contatos do seu celular.

Outra possibilidade é fazer uso de quem já possui alguma audiência relevante na região em que o seu negócio está inserido. Comprar um espaço destinado a publicidade em um site regional ou contratar um influenciador digital pode ajudar a informar os potenciais clientes de como a sua empresa está funcionando.

Seja criativo

No caso específico do Dias dos Namorados, é importante lembrar que a data sempre é lembrada como uma ocasião que envolve boas histórias e até mesmo saudade, por isso, é muito importante encantar as pessoas. Não mostre o que você tem no estoque de maneira isolada, e como provavelmente a maioria dos clientes já conhecem os seus produtos, aproveite a oportunidade para contextualizá-los, registre fotos ou grave vídeos mostrando como eles podem ser um presentes especiais numa data como essa.

Faça parcerias

Dia dos Namorados também é uma data lembrada como uma ocasião em que os casais vão ao restaurante ter uma noite especial, por exemplo. Então, caso você tenha um negócio que trabalhe com alimentos, tente montar parcerias que agreguem valor ao produto final. Por exemplo, se você vende doces, talvez seja um bom momento para montar uma cesta em parceria com alguém que vende salgados. O objetivo é agregar valor e dispensar a dúvida de alguém que está pensando se escolhe um ou outro.

E mais…

Além dos tópicos acima, existem algumas dicas valiosas que devem ser seguidas:

  • Todas as formas de comunicação devem ser voltadas para a comodidade do consumidor. Ou seja, o intuito é mostrar como ele tem todo um universo de possibilidades na palma da mão sem precisar sair de casa. Seja claro!
  • Disponibilize números de WhatsApp que sempre estejam disponíveis e online. Pode parecer trivial, mas o tempo de resposta é determinante para o fechamento de uma venda, então, responda ao seu cliente o mais rápido que puder, da maneira mais clara, precisa e educada possível;
  • Tenha flexibilidade nas formas de pagamento. Com a situação financeira complicada para a maioria das famílias, muitas pessoas têm recorrido ao cartão de crédito para fazer suas compras. Então, se puder, permita que o cliente possa pagar em espécie, cartão, transferência, ou aplicativos de pagamento.
  • Esteja presente nas principais Redes Sociais. Começar pelo Facebook e Instagram já é um bom passo.
  • Não menospreze a boa e velha ligação telefônica. Caso o cliente esteja com dificuldades durante a comunicação, cogite fazer uma ligação. Apesar da modernidade, ainda há muita familiaridade com esse tipo de contato, o que pode facilitar num momento como este.
  • Tenha sempre uma lista atualizada com os nomes e números de seus clientes. Você poderá utilizar no futuro para a divulgação de promoções e ofertas.
  • E por último, e não mais importante, ofereça entrega em domicílio. Há um grande processo de transformação no mundo. Não sabemos nem de longe quando as coisas “voltarão ao normal”, ou se já estamos diante de um novo “normal”, então, estar munido de todas as ferramentas que permitam ao cliente comprar de casa é fundamental.