Universidade baiana é a primeira a oferecer cotas para transexual e travestis

Uma comissão da universidade avaliará as autodeclarações dos candidatos para evitar fraudes.

0
Reitoria da UFSB. (Foto: Reprodução)

Com campos em  Porto Seguro, Itabuna e Teixeira de Freitas, a Universidade Federal do Sul da Bahia será a primeira universidade brasileira a disponibilizar cotas para homens ou mulheres transexuais em cursos de graduação.

Apesar de já existirem ações do tipo em cursos de doutorado e mestrado,  a nova modalidade é inédita em cursos de graduação. As vagas serão destinadas a candidatos que se declararem transexual, travesti ou transgênero .

Conforme a reitora da universidade, Joana Angélica Guimarães, justifica-se a iniciativa pela necessidade de dar acesso a políticas públicas às pessoas trans. Uma comissão da universidade avaliará as autodeclarações dos candidatos para evitar fraudes.

 

Publicidade